top of page

McLaren 750S desembarca no Brasil com preço superior a R$ 4 milhões


Revelado em abril do ano passado para os mercados da Europa, o McLaren 750S já entrou para a história. É o último carro que a empresa lançou sem auxílio de eletrificação. Daqui em diante, apenas modelos híbridos ou elétricos serão apresentados pela montadora de esportivos de origem inglesa.

Duas unidades do McLaren 750S já estão disponíveis para compra na loja da UK Motors, importadora oficial da marca. A laranja é um Coupé e está anunciado por R$ 4.000.000. Já o verde é da configuração Spider, mecanicamente idêntica à Coupé, mas com a possibilidade de se andar sem o teto, custando R$ 4.200.000.

O modelo é o sucessor do 720S e marca diz que o 750S tem 30% de novos componentes em relação ao antecessor. Entre as principais alterações está toda a seção dianteira, com entradas de ar mais estreitas que envolvem os faróis e uma saia maior para melhorar a eficiência aerodinâmica.



As revisões aerodinâmicas continuam nas laterais e traseira, onde foi instalada uma nova asa 20% maior e com operação hidráulica, além de 1,6 kg mais leve. A asa é ativada automaticamente de acordo com as diversas condições de condução, estabilizando o carro em curvas de alta velocidade, reduzindo o arrasto em retas e como freio aerodinâmico para reduzir distâncias de frenagem.

Além da aerodinâmica, outro dos pontos importantes do 750S é o seu peso. O novo McLaren é 30 kg mais leve, com peso a seco de 1.389 kg (1.438 kg para o Spider). Isto foi possível graças a uma adoção significativa da fibra de carbono também nos bancos (17,5 kg mais leves) e nas rodas de liga leve de 10 raios (-13,8 kg).

O protagonista do 750S continua sendo o 4.0 V8 biturbo , que passa a entregar 750 cv de potência e 81,6 kgfm de torque . Assim, os oito cilindros é 30 cv mais potente que o 720S e 13 cv mais potente que o montado no híbrido plug-in P1. A transmissão é composta por uma caixa de dupla embreagem de 7 marchas revisada em seu software, o McLaren acelera de 0 a 100 km/h em 2,8 segundos, de 0 a 200 km/h em 7,2 segundos e de 0 a 300 km/h em menos de 20 segundos, com velocidade máxima de 332 km/h.


3 visualizações0 comentário

Comments


Se inscreva para ficar por dentro das novidades.

Contato